segunda-feira, 5 de setembro de 2011

Então sorria!















Você não sabe o colorido
Que é olhar em seus olhos e
Viajar em seus pensamentos,
Porque eu ainda não contei.

Eu me sinto leve como uma pena
Porque eu vi um sorriso pra mim
E isso me fez cantar na janela
Como se eu pudesse voar até o céu.

E você não viu minhas lágrimas
Pois eu chorava no seu ombro
E isso me pareceu tão confortável
Porque nada poderia me machucar.

Protetor e protegido, um mudança
Que você mal percebe quando te pego
Para que alivie seus pés cansados
E sorrio mais para que não se zangue.

Mesmo que eu te tranformasse em verso,
Seria tanto surreal quanto um arco-iris
Que você não entenderia como é ter você
Caminhando comigo enquanto eu sussuro
Novas notas para deixar o vento carregar.

3 comentários:

Tânia T. disse...

"Que você não entenderia como é ter você."

Que lindo isso.. adorei!

(:

bjoo

Matti disse...

Dany, este me pareceu especialmente sincero da sua parte e, talvez por isso, o melhor até agora ^_^

*Dany* disse...

É um dos mais sinceros que meu coração já conseguiu ditar para eu escrever ^^